COSTA, F., BERNARDES, C., História dos dogmas cristológicos na antiguidade, De Magistro, VIII.16 (2015/2) 1-17

“Nos primórdios do cristianismo, onde os ataques e perseguições eram inúmeras, onde proclamar a fé era quase um suicídio, não faltaram homens cheios de convicções que proclamavam tão alto com o próprio sangue que Jesus de Nazaré é o Messias, e se arriscavam em ir além, frente a acusações de blasfêmia, algo tão sério para o povo judeu, com firmeza e sabedoria proclamavam que esse mesmo Jesus é o Filho de Deus (…)”

Continue a ler aqui: http://catolicadeanapolis.edu.br/revmagistro/wp-content/uploads/2015/08/Hist%C3%B3ria-dos-dogmas-cristol%C3%B3gicos-na-antiguidade.pdf

Posted in Artigo Científico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

* Campo obrigatório